17 fevereiro 2016








[av. da liberdade]







4 comentários:

  1. Fez-me lembrar Barcelona...não sei porquê!
    Mas Lisboa é mais bonita até em pb :-))))))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. também pensei nisso, há ali algo de gaudí… ;)

      Eliminar
  2. para mim, que a palmilhei durante um ano inteiro, tem um único significado (mais do que simbólico): o meu pai percorrendo-a sem chapéu, num tempo em que não era nem suposto nem permitido, o ateu da única igreja possível... (devo-lhe esta, como outras da vida)

    ResponderEliminar