08 setembro 2015






fábula  do  consultório  sentimental





não aceites o amor que julgas ser o anjo
caído mas apenas é um nós imerecido –
sonha em mim o desejo que sinto em ti
e mantém aberto o teu coração fechado






4 comentários: